Literacia para os Media volta ao terreno na Madeira

with Sem comentários

O projeto Literacia para os Media e Jornalismo vai voltar ao terreno neste sábado, para formar jornalistas na Madeira, com o apoio do Centro Protocolar de Formação Profissional para Jornalistas (Cenjor).

O projeto – criado pelo Sindicato dos Jornalistas e coordenado pela recém-criada Associação Literacia Para os Media e Jornalismo (ALPMJ) – pretende envolver os jornalistas na formação de professores e alunos sobre os desafios que hoje se colocam à importante função de mediar e escrutinar a realidade.

O projeto já realizou duas ações de formação para jornalistas em Portugal Continental e uma nos Açores.

Simultaneamente, as ações de formação para professores avançaram naqueles mesmos terrenos, aguardando-se luz verde da Secretaria Regional de Educação da Madeira para fazer o mesmo com professores madeirenses.

Em janeiro de 2017, na sequência do 4.º Congresso dos Jornalistas Portugueses, que aprovou uma moção considerando urgente promover a literacia para os media, o Sindicato dos Jornalistas apresentou ao Ministério da Educação uma proposta de intervenção nessa área, concebida por jornalistas e académicos da área da comunicação.

Dois anos depois, o projeto arrancava em todo o Continente, com o objetivo de disponibilizar aos professores metodologias, recursos e ferramentas que estes possam usar nas atividades de Literacia para os Media que vão desenvolver com os seus alunos e com as comunidades escolar e educativa.

Este projeto, que conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República, é uma parceria entre o Sindicato dos Jornalistas e o Ministério da Educação, financiado pelo Cenjor (Ministério da Cultura) e pela Direção-Geral da Educação (no caso dos Açores, pela Direção Regional de Educação).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *